24.5.11

Adriana Peixoto - Adriana Peixoto (2008)


1. Elizeth
2. De Cabeça Pra Baixo
3. Ação Entre Amigos
4. Saudosa Maloca
5. Altos E Baixos Participação: Cauby Peixoto
6. Na Batucada da Vida
7. Encontro
8. Zé Mané
9. Outra Vez, Nunca Mais
10. Passagem da Ilusão

download

2 comentários:

  1. A carioca Adriana Peixoto vem de uma família tradicional no cenário musical brasileiro: é filha do pistonista Araken Peixoto e sobrinha do maestro Moacyr Peixoto e do cantor Cauby Peixoto. Além disso, é sobrinha-neta do compositor e pianista Nonô, que acompanhava, entre outros, Noel Rosa e Carmen Miranda, e prima do sambista Ciro Monteiro e de Dalmo Medeiros, do grupo MPB4.

    No CD de estréia, que leva o seu nome, Adriana promete também conquistar o seu espaço como intérprete da música popular brasileira, mostrando um trabalho no qual extravasa musicalidade e maturidade.

    O repertório do disco, que tem 10 faixas, é focado em MPB – incluindo samba, samba-canção, balada romântica, samba-rock - e mostra a admiração da cantora por compositores consagrados, que lhe presentearam com canções inéditas, como Sueli Costa/Abel Silva, em 'Outra Vez, Nunca Mais'; Dalmo Medeiros/Danilo Caymmi, em 'Ação Entre Amigos'; Isolda, em 'Encontro’; e Miltinho/Paulo César Pinheiro 'Passagem da Ilusão'.

    Destacam-se ainda duas outras canções inéditas de Dalmo Medeiros - 'De Cabeça Pra Baixo', um samba-rock com um swing que não deixa ninguém parado, e 'Zé Mané', samba feito em parceria com Marcelo Guimarães. E como homenagem a São Paulo, cidade em que vive já há alguns anos, a cantora gravou a clássica 'Saudosa Maloca', de Adoniran Barbosa.

    Um momento especial do CD é o dueto que Adriana faz com Cauby em 'Altos E Baixos', de Sueli Costa/Aldir Blanc, gravada originalmente por Elis Regina, em 1979. Também de Sueli Costa é 'Elizeth', um samba inédito em homenagem à 'divina’ Elizeth Cardoso. E, por último, tem 'Na Batucada da Vida', de Ari Barroso/Luiz Peixoto, gravada originalmente por Carmen Miranda, na década de 30, e depois, também por Elis.

    Cada uma das faixas surpreende pela sonoridade, que ganha contornos latino-americanos com os arranjos e a produção musical do pianista Yaniel Matos, um dos expoentes da música cubana. "Ela fez uma boa escolha do repertório, são músicas fortes, algumas difíceis de cantar, como 'Na Batucada da Vida'. Adriana, como intérprete, pode ser atrevida, pois tem potencial para cantar o que quiser", afirma Yaniel.

    Segundo ele, o CD tem uma identidade e uma dinâmica, que farão com que as pessoas ouçam os primeiros acordes e saibam que é uma música da Adriana Peixoto. "A música brasileira, especialmente o samba, e a cubana, estão muito próximas, o que permitiu uma fusão latino-americana, com passagens melódicas interessantes e a inclusão de vários elementos rítmicos".

    ResponderExcluir
  2. Hola, otra vez yo.Como el primero que descargue me encanto (Coro De Cor) voy a descargar todo lo que se me cruce y como siempre !!!mucahas Gracias!!!

    ResponderExcluir